7 motivos para conhecer o Maialini

CARDÁPIO_FESTAS
Cardápio especial de Natal
22 de dezembro de 2017
Sobremesa: Bolo de chocolate com sorvete de leite e ameixa em calda
Novo Menu Executivo de verão – 2018
14 de janeiro de 2018
Ambiente_Maialini5-compressed

Quer saber o por quê vale a pena conhecer nossa casa? Quer indicar o restaurante pra alguém mas ainda não conseguiu explicar direito se a gente é um bar, restaurante ou cantina?

Aguenta aí que fizemos uma listinha pra ajudar nessa! 🙂

1- Não precisa ter vergonha de ir só pra beber.

Sabe quando você vai a um restaurante chique e fica com aquele pé atrás em pedir só uma cerveja ou alguns bons drinques? No Maialini não tem essa, não. Pode vir que temos um bar pra lá de generoso e gostamos mesmo é que o cliente fique à vontade para consumir o que quiser. Além das opções de chope artesanais, a carta dos drinques também é extensa e foi desenvolvida por Ed Carneiro, um dos bartenders mais premiados do País. Também tem o Bruno Augusto, nosso bartender super criativo e que vive desenvolvendo novidades que sempre deixam a gente com aquela cara de: como é que esse cara fez isso?

Gin Tonic BullDog: Para refrescar

Gin Tonic BullDog: Para refrescar

Espaço do bar: Há uma atenção especial para esse área, que garante a descontração na medida certa.

Espaço do bar: Há uma atenção especial para esse área, que garante a descontração na medida certa.

2- Mas petiscar por aqui também é uma experiência à parte.

Além dos pratos, o Maialini tem um tanto de opções de entradas que já se tornaram marca registrada da casa. É o que acontece com o queijo chevre envolto em farinha de foccacia ao forno, com figos ao mel e geleia de frutas da estação feita na casa. As tábuas de embutidos e os gnoccos fritos também competem nessa lista, que ainda tem mozzarela de búfala empanada, suppli, as deliciosas foccacias e muito mais!

3- O cardápio parece ter acabado de sair de uma máquina de escrever e a decoração tem como foco a afetividade e o minimalismo.

Além do salão ser todo intimista, a identidade visual minimalista e delicada foca nos pequenos detalhes, assim como nossa cozinha. Almoçar, jantar ou petiscar conosco é uma oportunidade a mais para sair da rotina e se permitir uma refeição tranquila em família ou com os amigos, em meio a um ambiente discreto e acolhedor.

Nossos cardápios: Uma relação de amor

Nossos cardápios: Uma relação de amor

4- A sustentabilidade faz parte da lógica da casa e explicamos o porquê.

Muitos clientes que vêm nos visitar pela primeira vez notam os copos de vidro feitos com antigas compotas reaproveitadas. Alguns acham bonitinho, outros demoram a se acostumar. Mas por quê servir a bebida em uma compota e não em um copo comum? A gente explica: as compotas iriam para o lixo, gerando mais descarte e desperdício de material. E assim como no caso das compotas, enxergamos essa lógica do reaproveitamento em bastante coisa por aqui, pensando sempre na qualidade do que vai à mesa e considerando que seja uma prática sustentável em todos os sentidos. Por isso, além do reaproveitamento das compotas para darem um charme aos drinques e sodas, utilizamos também o papel reciclado em quase toda a nossa identidade visual, do menu aos jogos americanos nas mesas. O cardápio também muda sazonalmente, porque acreditamos que só assim é possível servir o melhor alimento e, ao mesmo tempo, respeitar o tempo de cada produto.

compota

5- Os pratos são diferentes daqueles das famosas cantinas. Nada de melhor nem pior, mas diferente. Nosso objetivo? Difundir cultura (além de muito sabor) por meio do alimento.

Diferente das tradicionais cantinas inspiradas na terra da bota, o Maialini tem como inspiração a gastronomia da região de Parma, bastante versátil e fresca. Reunimos o tradicional a pitadas de inovação, sempre conectados à lógica dos produtos sazonais. Dos risotos (o de burrata é um dos preferidos) às massas longas e recheadas, também temos entre nossos diferenciais os pratos com carne de porco (maiale em italiano –  animal que,aliás, é inspiração para o nome da casa).

Risoto de burrata: uma das criações do chef Nicholas Callejas, à frente do gastropub

Risoto de burrata: uma das criações do chef Nicholas Callejas, à frente do gastropub

6- As sobremesas não vivem só de beleza e agradam desde os chocólatras até quem não é muito fã de açúcar.

Entre as invencções mais desejadas, estão a nossa Zuppa Di Cioccolato e Arancia, Torta Di Noci e Gelato Alla Panna, que mistura uma deliciosa sopa de chocolate com laranja a um bolo de nozes e sorvete de panna. A Bigné é outra boa pedida, além dos nossos sorbets, preparados na casa. O bacana é que muitas delas não são carregadas em açúcar e tem até opção que não leva o ingrediente, então as invenções são bastante democráticas.

Bigné: Carolinas recheadas com creme aromatizado com vinho, gel de tangerina e sorvete de avelã

Bigné: Carolinas recheadas com creme aromatizado com vinho, gel de tangerina e sorvete de avelã

7– Tem aquele climinha intimista de lugares especiais. E o alimento? É preparado quase como um ritual, que tem como base muita técnica e amor.

Aqui é assim: Apesar de estarmos no Cambuí, que é um bairro movimentado de Campinas, a sensação é de estarmos completamente fora da cidade. Na maior tranquilidade, com uma iluminação baixa e música ambiente gostosa em meio à decor aconchegante de madeira, te recebemos com toda a alegria e o calor de uma cozinha italiana. Vem fazer parte da nossa casa!

decor2

Quem comanda o gastropub Maialini?

Por trás da cozinha do Maialini está o chef Nicholas Callejas. Com formação inicial em Hotelaria pela Faculdade SENAC, Nicholas partiu para a área de gastronomia com o curso de Chef Internacional pela mesma faculdade. Realizou o Curso Prático de Cozinha pela Escola de Culinária e Gastronomia Nicolau Rosa e concluiu a Capacitação para Sommelier pela Associação Brasileira de Sommeliers. Em 2012, se formou no curso de Cozinha Italiana Avançada pela Faculdade SENAC, com passagem de mais de 6 meses na Itália trabalhando no restaurante Antica Corte Pallavicina, condecorado com uma estrela Michelin. Em 2014, voltou à Itália para explorar a arte da salumeria com grandes chefs de Polesine Parmense. É inspirado por sua experiência em Parma que ele traz ao Maialini o melhor da cozinha tradicional da região para complementar o circuito da gastronomia italiana em Campinas.

MAIALINI

EndereçoRua Emília Paiva Meira, 76, Cambuí – Campinas, São Paulo.

Horário de Funcionamento: Almoço de Terça à Sexta-Feira das 12h às 14h30; aos Sábados e Domingos das 12h30 às 15h30. Jantar de Terça à Sexta-Feira a partir das 18h30. Aos Sábados, das 19h até o último cliente.

Contato:(19) 2515- 2738